Paulo retira-se da carreira de oráculo e deseja boa sorte a Portugal
Para demonstrar total apoio, a criatura oferece entrada gratuita no espaço de lazer a todas as crianças, enquanto a equipa lusa estiver em prova. Polvo irá explorar outras habilidades no SEA LIFE Porto.


2012.06.14

O polvo Paulo, criatura que habita no SEA LIFE Porto, vai retirar-se das suas lides adivinhatórias. Depois de uma estreia promissora, na qual acertou na derrota de Portugal frente à Alemanha, – e apesar de, aos 80 minutos do jogo contra a Dinamarca, o cenário indicar que estaria próximo de o fazer novamente –, o animal falhou a sua previsão ao anunciar que a equipa de Paulo Bento perderia neste segundo encontro.

Ainda assim, o polvo congratula a selecção nacional pela vitória e faz votos para que o seu percurso no Euro 2012 seja bem sucedido. Para demonstrar o seu total apoio, a criatura oferece entrada gratuita no SEA LIFE Porto a todas as crianças – desde que acompanhadas por um adulto –, enquanto a equipa portuguesa estiver em prova.

De agora em diante, Paulo irá treinar outras habilidades e fazer as delícias dos visitantes do espaço de lazer da Invicta. As capacidades de desarrolhar tampas de frascos, resolver labirintos, e distinguir padrões e formas, através da utilização dos tentáculos, serão agora desenvolvidas pelo polvo. Relembre-se que o cefalópode se encontra no SEA LIFE Porto a propósito da exposição temporária POLVOMANIA!, patente até ao final de 2012. A mostra dá a conhecer as características destes animais ao pormenor, como o facto de terem três corações e sangue azul.

Estas criaturas, que habitam todos os oceanos do mundo, podem ter entre dois centímetros e 23 metros de comprimento. No SEA LIFE Porto, podem ser conhecidos o Polvo Gigante do Pacífico, o Polvo de Bimac, os Nautilus e muitas outras espécies. A exposição decorre até ao final do ano, podendo ser visitada entre as 10h00 e as 18h00, de segunda a sexta-feira, e entre as 10h00 e as 19h00, aos fins-de-semana.

Com 2.200 metros quadrados de área, o SEA LIFE Porto é um espaço de cultura, entretenimento e aprendizagem que rapidamente se tornou num ex-líbris da Invicta. Além de proporcionar a milhares de visitantes uma experiência única de descoberta das maravilhas do mundo marinho, promove a conservação das espécies pela via da consciencialização social e da educação. O peixe-palhaço, o peixe-dragão, o tubarão-de-pontas-negras e a estrela-do-mar são apenas quatro das cerca de 100 diferentes espécies marinhas e de água doce que, actualmente, habitam em cada um dos 31 aquários instalados.