Bial lança anti-inflamatório inovador
Investimento representa um importante avanço científico no tratamento da dor e da inflamação em situações alargadas.


2004.06.02

Os números são impressionantes e correspondem a uma realidade silenciosa que afecta milhares de pessoas em todo o mundo. A osteoartrose é uma doença crónica das articulações, usualmente na anca e no joelho, e que se manifesta de uma forma dolorosa, podendo mesmo levar à invalidez. A osteoartrose é uma patologia que afecta uma percentagem bastante elevada da população portuguesa, sendo mais usual o surgimento desta doença em mulheres. A osteortrose caracteriza-se por uma degeneração das articulações, o que dificulta e pode impossibilitar os movimentos. Sendo uma doença crónica, não há ainda muito que se possa fazer, para além da substituição do osso por próteses, cirurgia que não é aconselhada em todos os casos e que implica custos muito elevados. Por isso mesmo, o alívio da dor é algo que pode transformar a vida de milhares de pessoas. Porém, os anti-inflamatórios tradicionais que se revelam efectivamente eficazes no combate à dor e à inflamação, trazem invariavelmente associadas graves contra-indicações, incidentes no sistema gastrointestinal. Foi a partir deste cenário que o grupo Bial partiu para o lançamento do novo anti-inflamatório, representando um importante avanço científico no tratamento da dor e da inflamação em situações alargadas, crónicas e agudas. Para além da osteoartrose, o etoricoxibe está também indicado para o tratamento da dor e da inflamação provocados pela artrite reumatóide – patologia com sintomas articulares semelhantes aos da osteoartrose mas que se pode manifestar em qualquer idade, incidindo usualmente nas articulações dos dedos das mãos – e pela artrite gotosa aguda, patologia provocada pelo excesso de ácido úrico que depois de cristalizado se deposita em alguns órgãos, como os rins e vias urinárias, provocando dores muito fortes. No tratamento destas patologias o etoricoxibe caracteriza-se como sendo eficaz, potente e rápido. Este anti-inflamatório inovador tem um rápido início de acção, conseguindo resultados em 24 minutos e por um período de 24 horas, o que acarreta a vantagem posológica de uma única toma diária. Para os doentes a acção do novo fármaco significa um rápido e prolongado alívio da dor e uma menor probabilidade de ocorrência de problemas gastrointestinais, devido às propriedades do medicamento. Para o grupo Bial, o lançamento deste anti-inflamatório é mais um importante passo no compromisso com a inovação e a qualidade, e ainda mais sendo feito na passagem dos 80 anos da companhia, o que por si só representa um motivo de grande orgulho. O grupo Bial é um grupo farmacêutico internacional, ocupando actualmente o 7º lugar do ranking das maiores empresas do sector a actuar em Portugal e o 142º no ranking mundial. Os produtos do grupo são distribuídos em cerca de 30 países do mundo, o que em 2003 representou um volume de negócios total de 85 milhões de euros.