ANTRAM reflete sobre os perigos que o setor dos transportes enfrenta
Secretário de Estado das Infraestruturas marca presença no evento que analisa a Tecnologia 4.0 ou a nova convenção coletiva de trabalho.


2018.10.26

Que desafios e perigos enfrenta o setor dos transportes? Esta é apenas uma das grandes interrogações em debate no 18º Congresso da ANTRAM, que, durante dois dias – 26 de 27 de outubro – reúne empresas e entidades desta área para refletir sobre o que o futuro reserva. Gustavo Paulo Duarte (presidente da ANTRAM) e Guilherme D’Oliveira Martins (secretário de Estado das Infraestruturas) têm a seu cargo a abertura do encontro, que decorre no Altice Fórum Braga. Também Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, está convidado para este momento.

Após a sessão inaugural, o economista Augusto Mateus e José Bancaleiro (managing partner da Stanton Chase) dão continuidade à discussão sobre os desafios de Portugal e do setor – concretamente aos desafios da economia e dos recursos humanos –, num painel moderado por Marco Dinis Santos, diretor editorial da revista Logística & Transportes Hoje. O segundo painel da tarde será assegurado pelo empresário João Vasconcelos, que irá explorar a importância da Tecnologia 4.0. A tarde termina com um momento de networking, durante o qual os empresários poderão trocar experiências.

A ANTRAM e o seu papel na defesa dos interesses do setor
Já o programa de sábado, 27 de outubro, inicia-se às 9h30 com a análise da nova convenção coletiva de trabalho, espaço de debate reservado apenas a associados. A tarde arranca com um painel focado na atuação da ANTRAM, nomeadamente na condução e intermediação dos principais dossiês que afetam o setor. Durante o debate, procurar-se-á descortinar como deverá ser encarado o futuro – mercado, atividade e estruturas empresariais – e, ainda, debater que papel confiam os empresários à Associação para 2019.

A tarde do segundo dia fica marcada, igualmente, pela intervenção especial de Ken Gielen (especialista em coaching da ActionCOACH e da Engage & Grow), que irá revelar se o coaching nas empresas como instrumento motivacional funciona. A sessão de encerramento, agendada para as 18h00, será assegurada por Gustavo Paulo Duarte, presidente da ANTRAM. O presidente da Câmara Municipal de Braga está, também, convidado para a cerimónia de fecho desta 18ª edição do Congresso.

A ANTRAM é uma associação patronal constituída em junho de 1975. Com presença em Lisboa, Porto, Coimbra, Évora e Faro, representa cerca de 2000 mil empresas nacionais de transporte profissional de mercadorias. A associação tem como um dos objetivos prioritários o diálogo com o poder político no sentido de encontrar as melhores soluções para os problemas do setor, defendendo os interesses e direitos dos associados.