ADDICT promove mini-MBA em Gestão nas Indústrias Criativas
Agência disponibiliza formação para dotar profissionais do sector de ferramentas de reflexão estratégica. Arranque marcado para 13 de Abril.


2012.04.11

A ADDICT – Agência para o Desenvolvimento das Indústrias Criativas promove a partir de 13 de Abril, em parceria com a AEP – Associação Empresarial de Portugal, um mini-MBA em Gestão nas Indústrias Criativas. A aposta pretende dotar os profissionais do sector de competências de reflexão e de ferramentas de gestão que permitam implementar estratégias de sucesso nas empresas. A acção configura um claro empenho para incrementar um sector em franca expansão em Portugal.

Com duração de 80 horas, o mini-MBA tem uma forte componente prática e é focado nas realidades dos destinatários, partindo de diagnósticos individuais. A formação é distribuída por cinco módulos, englobando temas como estratégia e inovação, gestão e liderança, abordagem ao mercado, controlo de gestão e legislação. A elaboração de planos de negócios baseados em indicadores e o desenvolvimento de um painel de controlo de gestão são algumas das actividades para as quais os participantes ficam capacitados.

Qualificação para o cluster das indústrias criativas
A acção, que aposta na formação dos gestores na área das indústrias criativas, propõe-se dinamizar o cluster que se tem destacado no Norte de Portugal. A ADDICT assume, assim, um papel de relevo no estímulo de um sector cada vez mais qualificado. O mini-MBA decorre até 16 de Junho no edifício de serviços da AEP, em Leça da Palmeira, Matosinhos, às sextas-feiras (entre as 14h30 e as 18h00) e aos sábados (entre as 9h00 e as 13h00).

A ADDICT é a Agência para o Desenvolvimento das Indústrias Criativas, reconhecida pelo Ministério da Economia como representante do Cluster de Indústrias Criativas, agregando um total de 106 associados. Tem como missão promover a existência de uma indústria sustentável nas áreas da cultura, criatividade e produção de conteúdos, defendendo os interesses das empresas e profissionais do sector. RTP, Ordem dos Arquitectos, Fundação Casa da Música, Ydreams, Fundação de Serralves, Porto Editora, jornal Público e as principais universidades ligadas ao ensino e formação para esta indústria são alguns dos seus associados.